Avanços e perspectivas sobre a patogenia da forma digestiva da doença de Chagas

Posted on

O tripomastígota metacíclico constitui a forma mais natural de infecção para o hospedeiro vertebrado.

Essa doença essencialmente tropical é causada por um verme nematóide, a Onchocerca volvulus, que se localiza na derme do homem. A oncocercose, conhecida também como “cegueira dos rios” ou “mal do garimpeiro”, é uma doença provocada pelo parasita nematódeo Onchocerca volvulus, que acomete exclusivamente os humanos. O Plasmodium vivax e P. ovale têm parasitas em estágio dormente que podem ser reativados (relapsos) e causar malária vários meses ou anos após a infecção pela picada do mosquito. Por exemplo, a filariose bancroftiana, a necatorose… Antropozoonose: Doença primária de animais, que pode ser transmitida aos humanos. b) O verme Enterobius vermicularis, que é transmitido pela picada de mosquitos do gênero Culex, pode causar contaminação em seres humanos, principalmente crianças. (UFSM) No curso de sua história, a espécie humana tem exercido diversos tipos de interações com o meio natural, sendo a interação com os animais uma das mais proeminentes. A oncocercose é uma doença transmitida por insetos causada por um parasita Onchocerca volvulus e transmitida por moscas negras da espécie Simulium damnosum. O Citomegalovírus está presente em diversas partes do organismo e, por isso, pode ser causar infecção de diversas formas, como pelo contato com a saliva, lágrimas, relações sexuais entre outros. Assim como ocorre em nós humanos, havendo um sistema imune intacto, o toxoplasma fica presente nos animais sem causar doença, apenas adormecido em seus tecidos.

A interação entre o parasita e o barbeiro na doença de Chagas

  • Cultura em meios ricos pelo sangue (até o 5º dia da doença)
  • Cultura pelo líquor (5º - 7º dia)
  • Cultura pela urina (7º - 2 semanas)

Giardia duodenales Classe: Zoomastigophorea Ordem: DiplomonadinaGênero: Giardia Espécie parasita do homem: G. duodenales ou G. lamblia ou G. intestinalis parasita também animais domésticos e silvestres - diferentes genótipos 17

Fonte de infecção É o foco, local onde se origina o agente infeccioso, permitindo-lhe passar diretamente para um hospedeiro, podendo localizar-se em pessoas, animais, objetos, alimentos, água, etc 18 Na infecção pelo T. cruzi, lembramos que mais da metade dos infectados não apresenta cardiopatia, nem megaesôfago nem megacólon, as principais manifestações da doença de Chagas. CONCLUSÃO Conclui-se que Esquistossomose e Chagas são doenças transmitidas por parasitas que em contato com a pele do homem podem causar sérios problemas no sistemas imunológico, nervoso e cardíaco. Como estas novas visões do reconhecimento autoimune se aplicam no entendimento da patogenia da doença de Chagas permanece a ser explorado. As reações inflamatórias observadas tanto durante a fase aguda quanto crônica da infecção pelo T. cruzi parecem ter papel importante na patogenia da doença de Chagas. A miocardiopatia crônica (Figura 2) é uma das principais manifestações associadas à morbidade na doença de Chagas, sendo possivelmente desencadeada pela interação parasito-hospedeiro que ocorre durante a fase aguda. Isso aconteceria por que a infecção parasitária depende da interação entre moléculas do parasita com moléculas da superfície e interior das células do hospedeiro. Podemosdenominar como hospedeiro natural o hospedeiro que, além de não sofrer com oparasitismo, garante a perpetuação da espécie funcionando como fonte de infecção paraoutros animais ou para o homem. l) Ordem Hymenoptera: uma das mais polimorfas ordens de insetos (cerca de 250 000 espécies), apresenta animais dotados de peças bucais sugadoras, mastigadoras ou lambedoras.

#5. Dentro de nós O parasita Balantidium coli, que se multiplica no intestino grosso e pode causar infecção.

  • Danos às plantas
  • Vetores de doenças para as plantas, animais e para o homem
  • Insetos parasitos do homem e dos animais
  • Insetos venenosos
  • Insetos que atacam produtos armazenados

O mesmo acontece com numerosos outros parasitos do homem e animais como por exemplo: as Taenias que necessitam de um ou mais de um hospedeiro para sua existência.

Alguns carrapatos passam os diferentes estágios (larva, ninfa e adulto) em um único hospedeiro, e somente as fêmeas fertilizadas se desprendem para o ambiente. Filariose é um termo aplicado para infecções nos seres humanos e em animais por certos nematóides (vermes de corpo redondos) pertencentes a super família Filarioidea. Por esse motivo, as vítimas da filariose apresentam regiões do corpo, principalmente as extremidades, inchadas, o que explica o nome vulgar da doença ser elefantíase. Novas espécies de Brugia foram encontradas em animais em várias partes do mundo, inclusive uma infectando homem, B. timori, responsável pela filariose na ilha de Timor. Malária, amebíase, doença de chagas, giardíase, disenteria, toxoplasmose, tricomoníase e leishmaniose são alguns dos exemplos mais comuns de doenças causadas por seres protozoários. Segundo o Ministério da Saúde, a filariose linfática é uma das principais doenças crônicas que podem causar número de incapacidades permanentes ou por um longo prazo. N a abordagem de controle biológico, doença é mais do que uma íntima interação do patógeno com o hospedeiro influenciada pelo ambiente. O agente etiológico é o filarídeo Onchocerca volvulus (classe Nematoda, ordem Spirurida, superfamília Filarioidea, família Onchocercidae), um verme nematódeo que se instala nos tecidos, especialmente na pele do hospedeiro. Fonte: http://www.who.int/apoc/media/blackfly.JPG O Onchocerca volvulus possui ciclo biológico heteroxênico, que ocorre no díptero e no homem.

Os percevejos-das-camas são hematófagos estritos, alimentando-se exclusivamente do sangue fresco de animais de sangue quente, sendo o homem o seu hospedeiro de eleição.

  • São da ordem Anoplura
  • 532 espécies distribuídas em 15 famílias
  • Compreendem pequenos artrópodes
  • Parasito-hospedeiro
  • 3 espécies que parasitam o homem

O Onchocerca volvulus possui ciclo biológico heteroxênico, que ocorre no díptero e no homem.

Oncocercose: infecção causada por parasita nematoide Onchocerca volvulus.

doença de Chagas - Zooantroponose Doença primária do homem, que pode ser transmitida aos animais. É mais notável em Tripanossomas patogênicos aos humanos, que podem causar a doença do sono, doença de Chagas e a Leishmania. FILARIOSE LINFÁTICA INTRODUÇÃO Ordem filariidea: grande número de espécies parasitando o homem e animais. Em áreas endêmicas, onde a população de vetor é alta e presente durante todo o ano, a maioria dos animais jovens são infectados, quando então apresentam resistência natural. Link para o vídeo: Classe insecta – características, ordens, insetos sociais https://youtu.be/Wb706iKf2GY A malária é uma doença infecciosa aguda que, mais do que nunca, tem merecido todas as atenções. Fisiopatologia e Ciclo de Vida do Tripanossoma cruzi A doença de Chagas é uma zoonose, ou seja, o protozoário infecta diversos animais na natureza e acidentalmente o homem. No estado adulto vivem como parasitas dos vertebrados, inclusive do homem, e nos estágios intermediários vivem geralmente em insetos; nesta ordem destaca-se o gênero Wuchereria. ed., 2010 Oncocercose , uma forma de filariose , é causada pelo nematóide parasita filarial , Onchocerca volvulus .

Avanços e perspectivas sobre a patogenia da forma digestiva da doença de Chagas

A espécie Trichodectes canis pode servir como hospedeiro intermediário do Dipylidium caninum cestódeo parasito do cão e ocasionalmente do homem (através da ingestão do malófago contendo a larva do cestódeo).

(Nesse caso, pode estar em curso uma patogenia discreta, mas sem sintomatologia; quando há sintomatologia a infecção passa a ser uma doença infecciosa.) (COVEST) A imagem abaixo representa o ciclo de vida de um parasita que pode causar sérios problemas de saúde em seres humanos. e) No ciclo vital do Plasmodium, o homem é o hospedeiro definitivo, pois é neste que se desenvolve a doença. A poliomielite é causada por bactérias patogênicas contaminadas com bacteriófagos, e a infecção em crianças pode causar paralisia infantil. A dengue é causada por um vírus que apresenta diferentes variedades, e a infecção pode causar, em seus casos mais sérios, a hemorragia. Insetos da ordem Blattodea são cosmopolitas, com mais de quatro mil espécies conhecidas no mundo, sendo apenas 1% associada ao homem. Oncocercose ou Cegueira dos Rios é uma doença causada pelo parasita Onchocerca volvulus. A mixomatose é uma doença devida a vírus que ocorre naturalmente em coelhos (Sylvilagus brasiliensis) na América do Sul, provocando uma infecção relativamente benigna (pequenos tumores e mortalidade muito baixa). Uma criança contaminada pode eliminar uma grande quantidade de ovos enquanto dorme e eles podem contaminar o ambiente, infectando as outras crianças, que levam a doença pra casa. População de risco: crianças de 0 a 4 anos, profissio- nais que lidam com material contaminado, população rural. A filariose subcutânea é causada por loa loa (a “larva do olho”), Mansonella streptocerca , Onchocerca volvulus e Dracunculus medinensis (o “verme da Guiné”). Reprodução O ciclo biológico apresenta uma fase parasitária de aproximadamente 21 dias na qual passa pelos instares de larva, ninfa e adulto, todos em um único hospedeiro. Vunesp Segundo a Organização Mundial de Saúde (OMS), dentre as principais doenças parasitárias da atualidade, podem ser citadas malária, esquistossomose, filariose, giardíase, ascaridíase e ancilostomíase. Os animais insetívoros (peixes, anfíbios, répteis, aves e mamíferos), por serem inespecíficos, apesar de destruírem um grande número de insetos, não são usados em controle biológico pelo homem. O homem é o único hospedeiro natural e exclusiva fonte de infecção. Pesquisadores brasileiros constataram que o material genético do parasita causador da doença de Chagas pode ser transferido para o genoma do hospedeiro.